História
 

JC_Oregon.jpg
Nascido em Taguatinga, em 12 de março de 1963, Joaquim Cruz é um orgulho nacional. Único brasileiro com medalha de ouro olímpica em provas de pista, Cruz continua fortemente ligado ao esporte e ao legado que deixou. Mesmo depois de parar de correr, ele fundou um instituto que leva seu nome para atender crianças e jovens em Brasília.

Com o Instituo Joaquim Cruz (IJC), o campeão olímpico dá oportunidade a quem sonha em alcançar os feitos do ídolo, além de oferecer toda estrutura para crescimento pessoal e profissional das crianças e jovens. 

Joaquim começou jogando basquete, aos 13 anos, mas logo mostrou resultados no atletismo. O empenho e os tempos em campeonatos juniores chamaram a atenção fora do país e ele recebeu uma bolsa de estudos na Universidade de Oregon.

O maior feito de Joaquim Cruz aconteceu nas Olimpíadas de Los Angeles, em 1984. Com apenas 21 anos, ele desbancou grandes nomes da época, como os britânicos Sebastian Coe e  Steve Ovett, e conquistou a medalha de ouro nos 800 metros. O feito veio acompanhado com o recorde olímpico.

O brasiliense ainda foi prata nos Jogos Olímpicos de Seul, em 1988, bronze no Mundial de Helsinque, em 1983, e ouro nos pan-americanos de Indianápolis, em 1987, e Mar Del Plata, em 1995. A última participação de Joaquim Cruz em Olimpíadas foi em 1996. Na ocasião, ele foi porta-bandeiras da delegação brasileira em Atlanta (EUA).

Atualmente, Joaquim vive com a mulher e os dois filhos em San Diego, na Califórnia. É treinador nos Estados Unidos e cuida do IJC.

 
CONTATOS

Instituto Joaquim Cruz

SCLN 104, Bloco "C", Sala 121
70.733-530
Brasília - DF

Telefone: (61) 3965-1984